Moda

Por trás da estamparia de Fernanda Yamamoto

Fernanda Yamamoto é uma das designers mais autorais do Brasil. Conhecida por seu trabalho intelectual que, em geral, envolve referências cult reinterpretadas em volumes, texturas e cores inusitadas, a estilista decidiu convocar Clarisse Romeiro, do Atelier Veredas, para colaborar com a marca por meio de uma estampa. A designer convidada, no caso, é especialista no assunto. Profundamente influenciada pela cultura brasileira, ela decidiu colaborar com um desenho de manga — sim, a fruta! — que foi adaptado para as peças de Yamamoto.

“Eu conheci o trabalho da Clarisse quando ela fez uma coleção sobre o Nordeste. Isso na mesma época em que fiz a coleção Historias Rendadas com renda renascença. Dessa vez, achei que seria interessante trazer o olhar dela para a estamparia” diz a criativa que tem o hábito de chamar outros artistas para somar diferentes visões à sua. “Na estamparia conseguimos dar “escala”, a produção é mais eficiente e consequentemente temos um produto com preços mais competitivos.” As peças com a print saem por valores até R$ 1 390, sendo que os itens da marca custam até R$ 1 690.

Sobre sua ausência neste SPFW, Fernanda diz que, com a mudança de calendário, preferiu pular esta temporada e manter a apresentação de inverno, uma vez ao ano, como tem feito há tempos. “Tenho mais tempo para amadurecer e me aprofundar nas ideias. Quero trazer um trabalho mais relevante: mais qualidade e não quantidade“, finaliza.

 

 

FONTE: https://elle.abril.com.br/moda/por-tras-da-estamparia-de-fernanda-yamamoto/

Previous ArticleNext Article